Google+ Followers

quinta-feira, 23 de junho de 2016

EU SINTO MUITO... MAS PRECISO E VOU FALAR!

FELICIANO É AMEAÇADO DE MORTE POR CRITICAR TENTATIVA DE ATRIBUIR A CRISTÃOS A TRAGÉDIA DE ORLANDO

14 de junho de 2016
  
O atentado terrorista que matou 50 pessoas em uma boate gay de Orlando, Flórida (EUA), virou motivo de hostilização ao pastor Marco Feliciano (PSC-SP) após a publicação de Jean Wyllys (PSOL-RJ), que tentou atribuir a responsabilidade pela tragédia aos evangélicos brasileiros.
Feliciano comentou o atentado terrorista e lamentou a postura de representantes do ativismo gay brasileiro de atribuir a cristãos a morte dos jovens homossexuais.
“Triste a tentativa de grupos LGBTT de usar esta tragédia para se promover. Como se a razão deste ataque fosse apenas homofobia. Mas calaram-se em relação aos outros atentados. Sem contar o suporte dado pela esquerda (PT, PCDOB e Psol) para a Palestina governada pelo Hamas, um grupo terrorista, com quem Dilma disse que era preciso dialogar, e a quem o Brasil concedeu 30 milhões para a construção da 1ª embaixada da Palestina no mundo. Com direito a um terreno em área nobre em Brasília, contrariando a ONU e os EUA. Estes terroristas com quem a esquerda quer dialogar assassinam inocentes, tripudiam sobre seus cadáveres numa luta política insana”, pontuou o pastor.
Personalidades como o humorista Rafinha Bastos, o ator José de Abreu e o youtuber Felipe Neto seguiram a linha adotada por Jean Wyllys e atacaram Feliciano, motivando milhares de internautas a se posicionarem de forma agressiva, promovendo ameaças de morte (foto) ao pastor e estupro às suas filhas.
“Deputado: 50 gays mortos. Não é o senhor que está aproveitando essa oportunidade para promover o seu pensamento retrógrado? ”, questionou Rafinha Bastos.
O ator José de Abreu, petista e protagonista de um episódio recente de agressão com cusparada a uma divergente política, usou a rede social para xingar o pastor: “Você @marcofeliciano é um ANIMAL! ”.
O youtuber Felipe Neto afirmou que no “dia em que mais de 50 gays são assassinados, esse ser desprezível, verme, do Marco Feliciano discursa contra a comunidade LGBT. Animal”.
Em resposta, Feliciano compartilhou o link de uma notícia sobre a ação do terrorista Omar Mateen, que teria planejado atacar a Disney, mas desistiu da ação por causa do forte esquema de segurança, de acordo com as investigações em curso pelas autoridades norte-americana.
Posteriormente, gravou um vídeo dirigindo-se aos três e também ao deputado Jean Wyllys, lembrando que a morte de 150 mil cristãos em todo o mundo, vítimas da perseguição religiosa do Estado Islâmico nos últimos anos, vem sendo ignorada pela mídia. Assista:




Fonte: http://noticias.gospelmais.com.br/tragedia-orlando-feliciano-ameacado-morte-83295.html

Nenhum comentário:

Postar um comentário