Google+ Followers

terça-feira, 6 de junho de 2017

25 TIPOS DE CRENTES



Você já parou para pensar que dentro de nossas igrejas existe vários tipos de “crentes”?

Sim, existe vários tipos de crentes, mas hoje eu gostaria de falar sobre 25 tipos que estão no nosso meio e tenho certeza que com um desses você conhece onde você congrega.


1-  CRENTE RAIMUNDO = UM PÉ NA IGREJA E OUTRO NO MUNDO
2-  CRENTE SILVIO SANTOS = SÓ APARECE DIA DE DOMINGO
3-  CRENTE PETER-PAN = ELE NUNCA CRESCE
4-  CRENTE JONAS = VIVE FUGINDO DE RESPONSABILIDADE
5-  CRENTE PIPOCA = PULA, PULA, PULA, MAS NÃO SAI DO LUGAR
6-  CRENTE AÇÚCAR = SE CHOVER ELE DERRETE
7-  CRENTE PORCO-ESPINHO = VIVE ALFINETANDO OS IRMÃOS
8-  CRENTE TAMANDUÁ = TEM UMA LÍNGUA MUITO GRANDE
9-  CRENTE SMS = SÓ APARECE TRAZENDO MENSAGEM
10- CRENTE FOTOGRAFO = SÓ VIVE DE REVELAÇÃO
11- CRENTE PEIXINHO = BUSCAR O REINO DE DEUS QUE É BOM, NADA !
12- CRENTE NOIVA = SÓ CHEGA ATRASADO NOS CULTOS
13- CRENTE THALLES ROBERTO = SEMPRE ACIMA DA MÉDIA
14- CRENTE SCOOBY-DOO = TEM MEDO ATÉ DE VULTO
15- CRENTE GARFIELD = JÁ PENSA EM CHEGAR EM CASA PRA COMER
16- CRENTE 6 HORAS = SEIS HORA POR MIM ?
17- CRENTE QUIABO = SÓ VIVE ESCORREGANDO
18- CRENTE FESTEIRO = SÓ APARECE EM CULTO FESTIVO
19- CRENTE 190 = SÓ BUSCAR A DEUS EM SITUAÇÃO DE EMERGÊNCIA
20- CRENTE MARTINHO DA VILA = É DEVAGAR, É DEVAGAR, DEVAGARINHO . .
21- CRENTE DANIEL = SÓ VIVE ORANDO
22- CRENTE IÔ-IÔ = ESTÁ SEMPRE SAINDO E VOLTANDO PRA MÃO DE DEUS
23- CRENTE MACACO = VIVE PULANDO DE GALHO EM GALHO
24- CRENTE 333 = MEIO BESTA
25- CRENTE GIRAFA = CORPO NA IGREJA, CABEÇA LÁ FORA

Fonte: http://jovensmodernosoficial.blogspot.com.br/2015/08/25-tipos-de-crentes.html

OS "DESIGREJADOS"

Os “desigrejados” – o maior erro do crente é acreditar na “condição” que seguidor de Jesus tem que ser membro de uma “igreja” constituída por homens…


Publicado: 4 de maio de 2014 em Fatos obra maranata, Obra revelada
(OS DESIGREJADOS)
desigrejados
AQUI ESTÃO AS TESES DAS PESSOAS QUE SEGUEM AO SALVADOR SEM VÍNCULO INSTITUCIONAL, CHAMADOS PELA ELITE RELIGIOSA DE “DESIGREJADOS”
ATENÇÃO RELIGIOSO: APRENDA A USAR A BÍBLIA PARA SUSTENTAR SEU PONTO DE VISTA! Se não puder sustentar seu ponto de vista, CHAME ALGUÉM QUE POSSA. Se não estiver disposto a refutar o que postamos, linha por linha, explicando o sentido correto de cada passagem citada, também não tem direito, tão pouco, propriedade de dizer que estamos errados! Quem tem o ónus de demonstrar, é sempre quem acusa/afirma/alega/declara, seja algo falso, quer seja verdadeiro!
___________________________________________
ANTES POREM, MEDITE:
Qual era a “igreja” de João Batista? Jonas? Noé? Abraão? Jó? Se essas pessoas que todos dizem ser o exemplo a ser seguido estavam afastadas das instituições religiosas, porque você não está?
__________________________________________
SEGUIR A JESUS SEM RELIGIÃO OS (DESIGREJADOS)
Introdução:
No inicio a igreja era um grupo de homens centrados em obedecer a Jesus. Então, a igreja chegou a Grécia e tornou-se uma filosofia. Depois chegou a Roma e tornou-se uma instituição. Em seguida, a Europa e tornou-se uma cultura. E, finalmente chegou a América e tornou-se um negócio
Assim, para estarmos com Jesus, não é preciso ir à igreja institucional, nem ter religião! Em termos bíblicos, a igreja é simplesmente aqueles que estão seguindo a Jesus, a família de Deus e não uma corporação. Ao invés de irmos enriquecer pastores, ajudando-os a comprar belíssimas mansões e fazendas, basta nós fazermos nossas orações em casa, praticarmos a justiça, a bondade, a humildade, a caridade, e a misericórdia no dia a dia!
Seguir a Jesus sem religião! Sim! Mas, quem disse em ficar em casa isolado? De acordo com Jesus, onde estiverem dois ou três que crêem nele, ali está a igreja ( igreja é o povo que segue a Jesus) pois Cristo está com eles, conforme prometeu em (Mt 18). Assim, se dois ou três amigos cristãos se encontrarem para falar sobre as lições espirituais, ou para servirem alguém, ali é a igreja! Isso é congregar-se, reunir-se pelo evangelho!
Ao invés de sentar no banco das igrejas institucionais cantando musiquinhas, ou em casa reclamando, devemos atender o necessitado, visitar o órfão, socorrer a viúva, hospedar o estrangeiro que não tiver onde morar!! Dar de comer a quem tem fome e de beber a quem tem sede!! Quer servir a Deus? Antes sirva a teu próximo!! O evangelho nos mostra que Jesus não viveu tocado dentro de sinagogas, ao contrário, ele saiu curando as pessoas, atendendo as crianças, ensinando velhos, ele entrou na casa de publicamos para ensinar, foi acusado de andar com pecadores, de ser bebedor de vinho, ele perdoou prostituta! Jesus foi um exemplo de vida e não de Religiosidade.
A COMUNHÃO É COM OS POBRES E NECESSITADOS E NÃO COM UM GRUPO RELIGIOSO! A igreja que os Apóstolos fundaram, foram movimentos livres de Caridade e nada tem a ver com O SISTEMA IMPERIALISTA Eclesiástico que transformaram o evangelho em comércio!

_________________________________________
1) Jesus nunca construiu templos, nunca fundou nenhuma corporação, instituição, empresa chamado igreja, a terceira geração o fez! Jesus chamou de igreja todos que foram comprados com seu sangue, o povo cristão! Igreja é gente, é todos que seguem a Jesus, não instituição religiosa!! A igreja de Cristo não é formada pelo local sagrado, e sim por pessoas! A igreja verdadeira é orgânica e não institucional! Entende-se por igreja, a união dos Santos! Santo significa separado para servir.
Então concluímos que aonde quer que aqueles que são separados para servir se unam ali então teremos uma igreja, pode ser num hospital, num orfanato, na rua ou até em casa, não sendo necessário absolutamente mais nada do tipo ser fiel a uma empresa, uma corporação em fim uma instituição religiosa.
_______________________
2) SEM IGREJA INSTITUCIONAL, SEM COMUNHÃO? De acordo com Jesus, onde estiverem dois ou três que crêem nele, ali está a igreja ( igreja é o povo que segue a Jesus) pois Cristo está com eles, conforme prometeu em (Mt 18). Assim, se dois ou três amigos cristãos se encontrarem para falar sobre as lições espirituais, ou para servirem alguém, ali é a igreja! Isso é congregar-se, reunir-se pelo evangelho!
A comunhão é com os pobres e necessitados! Não existe a necessidade de um Templo, de uma carta Papal, nem de fazer parte de uma empresa, instituição ou corporação para isso. Reúna-se com a família, em casa, quer reunião melhor? Siga o exemplo dos apóstolos que se reuniam em casa, e não do sistema religioso que criou corporações! Em termos bíblicos, a igreja é simplesmente aqueles que estão seguindo a Jesus, a família de Deus e não uma instituição religiosa criada por homens.
_______________________
3) Jesus NUNCA exigiu a freqüência a cultos ou missas regulares aos domingos! Aliás não existe uma só PASSAGEM mostrando que JESUS FAZIA CULTOS, ou participava de alguma procissão religiosa na rua, ou mesmo ensinou alguma ritualística ou liturgia religiosa como coral, coreografia, danças, músicas, palmas, e demais tralhas de origem PAGÃ! Nem se quer pediu para que se erguessem Templos, Catedrais, Obeliscos e Instituições Religiosas! A verdadeira igreja (igreja é o povo que segue a Jesus) cultuava a Deus servindo o irmão no dia a dia vivendo! A Igreja (povo) dos Apóstolos era Orgânica e Bíblica, a Igreja Institucional não existe! Os apóstolos não construíram templos, (o templo que freqüentavam era um pátio aberto, as sinagogas eram bibliotecas) nem fundaram denominações muito menos ensinaram qualquer coisa acerca de liturgias religiosas. A palavra era passado boca a boca de graça! Não recolhiam dízimos! Quando havia oferta, era para os famintos.

_______________________
4) O concílio de Nicéia, foi onde tudo começou. O Cristianismo institucional como conhecemos hoje teve suas bases estabelecidas no concílio de Nicéia! Todos os dógmas religiosos cristãos atuais como, rituais, liturgia, ritualística, coro, coral, coreografia, hierarquia sacerdotal, procissões, pulpitocentrismo, templocentrismo, roupas clericais, datas festivas e demais bases religiosas foram estabelecidas no Sec IV no concílio de Nicéia em Roma.
O concílio de Nicéia foi patrocinado pelo imperador Romano pagão Constantino, quando foi estabelecido os Credos da nova religião, os Católicos Romanos! Com o objetivo de adquirir poder, domínio e controle, Constantino criou um império religioso, transformando o que era antes a fé de oprimidos, em religião de opressores. Foi a melhor solução para transformar uma Roma política fragmentada em, Roma religiosa imperial. O imperador pagão desviou recursos financeiros do estado para construir a basílica de São Pedro, marcou com grandes templos e obeliscos que os cristãos primitivos tinham marcado apenas com a fé e amor!
_______________________
5) Jesus disse que seria levantado o povo Cristão, primeiramente sob as Pedro (Mt 16,18), e posteriormente sob os demais apóstolos (Ef 2:20)! Não sob Constantino, não sob o Papa, não sob Lutero nem Calvino! A partir da terceira geração, seus seguidores o desobedeceram, e criaram as igrejas institucionais constituídas NÃO sob fundamento dos apóstolos, mas sob fundamento daqueles que assassinaram a JESUS, sob fundamento de Roma, que jamais deixou de ser quem sempre foi, e hoje é representado pelo Vaticano (basta analisar as obras do passado)! Sobre a edificação do povo cristão, foi dito ainda: “As portas do Inferno não atingirão a minha igreja” ( igreja é o povo que segue a Jesus) Mas as portar do inferno sempre prevaleceram sobre O sistema religioso institucional, que derramou muito sangue e fez diversas atrocidades em nome da Fé!
Assim, qualquer mente com o mínimo de discernimento percebe que um organização, instituição, corporação, empresa religiosa, além de serem anti-bíblicas, não foram fundadas por DEUS! Inúmeros erros surgem na igreja quando a autoridade ou governo é entregue a alguém que não seja Cristo! Sim, são corporações humanas e não divinas, e por isso, “as portas do inferno” as atingem constantemente, tem falhado e caído em muitos erros, pecados e escândalos, além de ter prestado um desserviço ao Evangelho! Por isso, Deus na sua infinita sabedoria orientou que sua palavra fosse passado de boca a boca, de graça, de Pai para filho, de geração em geração, através da família! Dessa forma não seríamos manipulados por essas corporações da fé!
O erro está em achar que a palavra “igreja” equivale a uma corporação, uma empresa, uma instituição, com templos, obeliscos, governos, hierarquias, rituais e dogmas!! Quando tão somente significa o povo Cristão, igreja é você! Devemos obedecer a Jesus e não a instituição! Como pode alguém ser igreja e ir a igreja? Portanto, ninguém deve achar que recebeu autoridade de Deus, ou do cartório, para fundar instituições tão somente porque algum dia resolveu “ler a Bíblia” e acreditou ESTAR iluminado por Deus. Pois Deus dispôs autoridades apostólicas e não Constantinianas, nem protestantes.
_____________________________
6) O maior golpe de todos foi a instituição da “Igreja” como representante dos desígnios divinos na Terra. Conseguiram essa façanha no passado e continuam a conseguir até hoje. É impressionante, mas o povo pensa que aqueles carinhas vestidos de sacerdotes, pastores, bispos, ou de qualquer outra fantasia sacerdotal representam Deus.O povo crêe isso é que é trágico e engraçado. O mais engraçado é que, num passado não tão distante, quando a lealdade a Cristo foi substituída pela lealdade à “igreja” e seus líderes, com o intuito de impor autoridade, domínio e controle sob o povo ignorante, foi estabelecido o preceito de que, quem negasse a “igreja” também negava a Cristo! Uma extrema reação contra este absurdo, levou reformadores a protestar contra essa aberração teológica! Qual foi o resultado? Teria os reformadores conseguido exterminar a doença dessa “aberração teológica”? NÃO!
Apesar da Reforma ter se levantado contra esta corrupção do raciocínio, os protestantes e evangélicos acabaram caindo nos mesmíssimos erros, ao criarem denominações organizadas, sistemas interligados de hierarquia e processos de manutenção do sistema, de modo que, por conveniência, esta herança não morreu no Catolicismo, mas foi propagada através de Lutero e Calvino, que nunca tiveram a intenção de Zerar o Catolicismo e seus dogmas, nem de destruir todos os seus pilares, mas apenas, reformar! Por isso, os evangélicos protestantes vivem sob herança Romana, não apostólica, seguindo o mesmo formato de sistema que os protestantes combateram com PESO na época medieval!

_____________________________
7) Não existe hierarquia na igreja (lembrando que igreja é o povo que segue a Jesus). “Então Jesus, chamando-os para junto de si, disse: Bem sabeis que pelos príncipes dos gentios são estes dominados, e que os grandes exercem autoridade sobre eles. Não será assim entre vós; mas todo aquele que quiser entre vós fazer-se grande seja vosso serviçal; E, qualquer que entre vós quiser ser o primeiro, seja vosso servo“; (Mateus 20:25-27), Diferente do que muitas vezes a igreja institucional ensina, não há hierarquia na igreja, tem de ser o contrário de uma hierarquia. Hierarquia há no governo, no mundo, no emprego e em outros lugares, mas entre nós não deve ser assim. Estamos todos na mesma posição em Cristo e somente Deus está acima.
Nossos dons apenas nos são dados para que ajudemos uns aos outros, mas não nos tornam maiores, nem provam sermos melhores, pois são dados de Graça. Não existe, governos eclesiásticos, essa idéia, veio a surgir com o Catolicismo Romano para exercer domínio, autoridade e controle sobre a massa, sendo perpetuado pela reforma protestante, dando continuidade ao sistema imperialista de domínio e controle! Depois acrescentou: “Vós, porém, não queirais ser chamados Rabi, porque um só é o vosso Mestre, a saber, o Cristo, e todos vós sois irmãos” (Mateus 23:8). O que Jesus disse tem algum valor? Ou a palavra dos discípulos é mais valiosa do que a de Jesus.
_____________________________
8 ) PASTOR, BISPO, PRESBÍTERO E DIÁCONO? Quem disse que aqueles tem alguma coisa a ver com esses do modelo corporativo atual como você conhece? Pastor nunca foi um cargo institucional de sacerdote ministrando culto divino no templo! Tão pouco, como vemos hoje, alguém que foi num cartório, pagou 200 reais, tirou um Cnpj, virou pastor e agora pode dirigir a vida dos outros se colocando como intermediário entre Deus e as pessoas, em outras palavras, exercendo a função sacerdotal! Não! Mil vezes Não! Após a morte de Jesus, nenhum sacerdote tem mais o direito de representar Deus na terra, após a morte de Jesus, somos totalmente independente de homens, e totalmente dependentes de Deus, como está escrito: “Porque há um só Deus, e um só mediador entre Deus e os homens, Jesus Cristo homem.” (1 Tim 2:5-6)!!
O Pastor bíblico, era só um pregador do evangelho, assim como todos devemos ser, era só um guia, que iria conduzir a palavra aos recém convertidos até terem o conhecimento necessário para ir por todo mundo e Pregar, abandonando assim o guia, como o Pastor Cristo fez com os discípulos, para “ide e pregai o evangelho” a ordem sempre foi “ide e pregai” e não vinde escutai a vida toda as mesmas coisas! Bispo era o mesmo pregador do evangelho, só que ele era um ancião, uma pessoa idosa, sábia e mais experiente, um orientador, não de meninos na fé, mas de pessoas que já haviam chegado na maturidade da fé e no conhecimento do evangelho. Presbítero diácono, nada tem a ver com o Clero da Religião, mas sim, ajudantes! A proposta de Cristo é que, chegando a maturidade, todos nós pregássemos o evangelho, diferente do que o sistema religioso propõe! Para o sistema, a ovelha deverá ser pastoreada para o resto de sua vida! Deverá sempre ouvir as mesmas coisas e nunca deverá deixar seu guia!

___________________________________
9) Diferente do que o sistema propões, de acordo com Cristo, NÃO EXISTE um Shamam espiritual encarregado de pregar o evangelho enquanto os outros trabalham para sustentá-lo!! Isso é herança católica! Todos nós somos SACERDOTES!! Portanto a obrigação de anunciar o EVANGELHO é de cada um de nós, todos devemos anunciar, não é pagar para os outros fazerem isso no seu lugar! Reflita: Será que todos nós devemos viver de CARIDADE?? Imagina se todo mundo que fosse pregar o evangelho vivesse de caridade? Seguindo a lógica, ninguém iria trabalhar não? Devemos ((((trabalhar e anunciar o evangelho)))) seguindo o exemplo de Jesus e dos discípulos, é obrigação de cada um de nós. Jesus não deixou homens para que estes imponham autoridade sobre você! Ele deixou unicamente discípulos (Mt 23:5-8)! Em Cristo, devemos ser nossos próprios pastores, nossos próprios sacerdotes! Aquele que não é mais um Menino na Fé, chegou na maturidade e plenitude de uma fé viva, o espírito do Pai habita nele! E se o espírito do Pai habita nele, não há necessidade que ninguém o ensina, pois o espírito o faz! (1 Jo 2:27)!

___________________________________
10) Qual, pois a necessidade de um homem com cargo sacerdotal, para nós guiar se temos os Evangelhos em casa? Poderia esse sacerdote revelar algo que vá além dos evangelhos? Caso a resposta seja positiva, esse sacerdote deve ser rejeitado! Caso a resposta seja negativa, não há a necessidade ouvi-lo! Sim! Enquanto os Crentes não desenvolverem uma consciência profunda do evangelho, acharão essencial congregarem em instituições eclesiásticas e ouvirem seus líderes ou cairão na fé, em outras palavras todos que pensam assim se enquadram em: imaturidade, meninos na fé, pessoas no Leite!
_____________________________
11 ) Servir uma instituição religiosa cristã significa fazer parte de um sistema complicado, seguimentado, controverso e dividido! Para se ter idéia, existem mais de 40 mil religiões, 20 mil denominações religiosas só evangélicas!! Que não se entendem! Que são contraditórias! Que se divergem! A verdade está dividida? Que espírito confuso é esse que revela algo diferente para cada líder religioso? A verdade é uma só, não é duas nem três! A divisão do SISTEMA RELIGIOS só nos mostra a grande incoerência doutrinária que possuem, como não enxergam o óbvio? Um reino dividido pode subsistir? Sem dúvida, o inimigo teve grade sucesso plantando a semente do Joio, da divisão (instituições) Por isso, é fundamental respeitar as autoridades instituídas por Deus (Rm 13,1) e não criar instituições religiosas que são a maior causa da divisão entre os Cristãos! A igreja institucional é o reflexo de uma pobreza espiritual, reflexo de pessoas carnais, terrenas, e que estão no leite. A doutrina de Jesus é superior, ela é relacionamento evangelho boca a boca dia a dia, cuidando dos enfermos, limpando leprosos, de graça, visitando viúvas órfãos…e não cantando, dançando e batendo palmas no banco de instituições.
_____________________________
12) Optamos por voltar as raízes. OPTAMOS ENTÃO POR buscar a “Igreja” fundada pelos APÓSTOLOS, livre da herança templocentrista e pulpitocentrista Romana! A igreja onde o teto é o céu e onde não há paredes ao invés de ficar sentados no banco da instituição cantando musiquinhas. Devemos alimentar os famintos e curar os enfermos ao invés de pagar os outros para fazer isso em nosso lugar! Abandonamos templos e “igrejas” para pregar o evangelho a todas as criaturas! Sem dinheiro, de graça! Boca-a-boca como no passado!
___________________________________
DOIS REUNIDOS EM NOME DE JESUS JÁ É UMA MULTIDÃO
Todo grupo grande de mais, se torna uma torre de babel, e concentração de poder, consequentemente se corrompe.
Acho que essa necessidade que as pessoas sentem, de ter um líder, alguém a quem seguir, é resultado de um evangelho distorcido que vem sendo pregado há muito tempo! Buscam a figura do pastor, como alguém que baterá a asas e voará carregando todo o rebanho no bico! Jesus nos chama a caminhar com Ele, segui-lo e fazer discípulos DELE, JESUS!

Fonte: https://www.google.com.br/search?q=IMAGEM+DE+CRENTES+INDO+A+IGREJA&tbm=isch&tbo=u&source=univ&sa=X&ved=0ahUKEwig_LX3qanUAhWHl5AKHQDSByIQsAQIPw&biw=1242&bih=580#imgrc=NS9_L1FI-rjg8M:

VAMOS FICAR ALEGRES COM SUA VISITA!


VAMOS FICAR ALEGRES COM SUA VISITA!


o que temos para voce
O que é que temos para lhe oferecer?

Um lugar para amizade. “A Verdadeira Amizade É Aquela Que O Tempo Não Leva E A Distância Não Separa”. Nada é comparado à alegria da amizade cristã. Essa é a razão que nos une como membros da família desta igreja. Ficaríamos felizes em incluir-lhe também, cremos que todo homem, mulher, jovem e criança precisa de irmãos que o auxilie no seu amadurecimento espiritual.

Um lugar para aprender. Para nós, estudar a Bíblia é vital porque nos instrui intelectualmente, como também guia-nos espiritualmente. Acreditamos e aceitamos a Bíblia como a Palavra de Deus para o homem. Um livro que está vivo e relevante à vida de hoje. Aprender suas verdades é a nossa necessidade e convidamos você a crescer conosco.

Um lugar para crescimento. Para cada pessoa e em cada nível de idade, nós oferecemos oportunidades como programas especiais para crianças, jovens e adultos dentro das nossas células, ministérios e do calendário da igreja.

Um lugar para serviço. Assim como Jesus Cristo veio “não para ser servido, mas para servir” nós aceitamos como nossa responsabilidade a de servir aos outros. Isto se aplica dentro da família da igreja, como também fora de nosso convívio. Como disse um pregador: “se você não vive para servir, então você não serve para viver”. Cremos que através do servir uns aos outros multiplicaremos nossos dons.

Um lugar para adoração. A razão principal que nós encontramos quando estamos juntos é focalizar nossa atenção em Deus, darmos a Ele a nossa adoração que é a expressão máxima de nosso amor por aquele que morreu e vive por nós e em nós. Dele recebemos sua bênção e inspiração.

Esperamos ver-lhe muito em breve aqui em nossa igreja.
Seja bem-vindo e firme suas estacas para ser um Vencedor!
Um abraço fraterno em Cristo Jesus.

Fonte: http://www.videiracuritiba.com.br/o-que-temos-para-voce/

POR QUE VOU À IGREJA HOJE?


Pastora, Maria Valda - ADMEP


 Resultado de imagem para IMAGEM DE CRENTES INDO A IGREJA

Tenho andado muito preocupado ultimamente. A razão da minha preocupação é a seguinte: muitos irmãos da nossa igreja têm mudado em sua performance. Percebo, intrigado, que várias pessoas têm vindo aos cultos muito raramente. Aparecem uma ou duas vezes por mês, mostrando uma chocante indiferença em relação à igreja em que Deus as colocou. Outros, que antes eram mais assíduos e tinham na igreja uma espécie de segunda casa, passaram a participar somente de um culto na semana (e olhe lá!), apresentando justificativas fracas, que não convencem muito.
Para piorar o quadro, mesmo essa frequência eventual tem revelado uma qualidade anêmica. A pessoa vem pouco e, quando vem, coopera pouco, participa pouco, permanece pouco e presta pouca atenção ao culto. O que se percebe, dessa forma, é um inverno espiritual chegando, com a diferença de que esse tipo de inverno não é seguido de primavera, mas sim de uma “era do gelo”, semelhante àquela que Paulo vislumbrou no fim de sua carreira (2Tm 4.9-16) e que pôs fim ao vibrante período apostólico.
Em face disso, enumerei algumas razões pelas quais os crentes devem ir (MUITO) à igreja. Confesso que não sou otimista quando penso no impacto da lista que preparei. Sei que, se muitos irmãos entraram num estado de torpor, como parece ser o caso, dificilmente ouvirão admoestações assim. Na minha experiência, descobri que a sonolência espiritual só é curada com “choque elétrico” — e esse choque é só Deus quem dá.
Mesmo assim, vou alistar as razões porque temos de ir à igreja. Quem sabe, na vida de um ou de outro crente, a branda lista pastoral sirva para evitar o severo choque elétrico divino. Cada razão abaixo começa com a fórmula “Vou à igreja hoje porquê...”. Enumerei 22 razões. Lá vai...

 Resultado de imagem para IMAGEM DE CRENTES INDO A IGREJA
1. Vou à igreja hoje porque a Bíblia ordena que eu não deixe de congregar como fazem alguns (Hb 10.25).

2. Vou à igreja hoje porque ela é o corpo de Cristo e, como membro desse corpo, minha presença, cooperação e serviço são importantes para seu bom funcionamento (Ef 4.16).

3. Vou à igreja hoje porque essa será uma forma de expressar a verdade de que estou andando na luz, mantendo comunhão com meus irmãos (1Jo 1.7).

4. Vou à igreja hoje porque o Espírito Santo habita não somente no meu corpo físico, mas também na comunidade da fé e anelo desfrutar dessa presença da maneira mais intensa possível (Ef 2.21,22).

5. Vou à igreja hoje porque sou um servo do Senhor e a Bíblia afirma que a adoração conjunta é uma forma de servi-lo (At 13.2).

6. Vou à igreja hoje porque ali serei equipado para o serviço do Reino por meio da ministração dos pastores e mestres (Ef 4.11,12).
7. Vou à igreja hoje porque amo a Jesus e a forma mais clara de provar isso é por intermédio do cuidado de suas ovelhas, possível somente quando mantenho a proximidade delas (Jo 21.15).

8. Vou à igreja hoje porque Satanás não quer que eu vá e anela que eu a abandone totalmente afinal (1Ts 3.5).

9. Vou à igreja hoje porque, depois de passar uma semana testemunhando tantas podridões no mundo ao meu redor, preciso de restauração num ambiente amigo, instrutivo e santo (Cl 3.16).

10. Vou à igreja hoje porque onde está o pastor, ali deve estar a ovelha; onde está o mestre, ali deve estar o discípulo; e onde está o Senhor ali deve estar o servo (Jo 12.26).

11. Vou à igreja hoje porque uma igreja vazia desanima o pregador, levando-o a realizar o trabalho sem motivação e, como servo do Reino, a última coisa que eu quero que aconteça é que os mestres da Palavra percam o entusiasmo (At 4.29).

Imagem relacionada


12. Vou à igreja hoje porque um número maior de pessoas presentes a tornará mais alegre, viva e animada e quero contribuir para que isso ocorra (At 2.42-47).



13. Vou à igreja hoje porque ali receberei alimento espiritual e não posso passar dias a fio sem receber esse alimento (Mt 4.4).

14. Vou à igreja hoje porque em cada ajuntamento dos santos, o Senhor ministra sua graça de forma diferente, de maneira que o que eu perder hoje jamais poderei recuperar amanhã (At 4.31).


15. Vou à igreja hoje porque um número maior de pessoas oferece ao Senhor um louvor mais forte, bonito e vibrante e isso se harmoniza melhor com a glória que é devida ao seu nome (Sl 148).


16. Vou à igreja hoje porquecomo os falsos mestres e os crentes nominais dizem a todo tempo que é perfeitamente possível viver bem longe dela, não quero que esses servos do diabo apontem para mim como uma prova enganosa de suas mentiras (1Tm 4.1,2).
17. Vou à igreja hoje porque, geralmente, o crente que não leva isso a sério acredita na ilusão de que está bem espiritualmente e que pode abrir mão do culto coletivo, sendo essa a causa de muitas quedas e também a semente da apostasia (1Co 10.12).

Imagem relacionada

18. Vou à igreja hoje porque outras pessoas, como meu cônjuge e filhos, dependem de mim para ir e não posso privá-las dessa influência santa que pode marcar sua vida, protegê-las do erro e até livrá-las do mal para sempre (Js 24.15).

19. Vou à igreja hoje porque uma igreja fraca nesta geração será uma igreja morta na próxima e não posso sequer sonhar em dar qualquer contribuição para que essa tragédia ocorra (Jz 2.10-12).



20. Vou à igreja hoje porque é preciso inculcar, nas crianças que ali frequentam, o padrão de uma igreja forte, a fim de que elas almejem reproduzir esse mesmo padrão em suas próprias igrejas quando forem adultas (Pv 22.6).

Resultado de imagem para IMAGEM DE CRENTES INDO A IGREJA

21. Vou à igreja hoje porque quero que os visitantes que ali estiverem vejam uma reunião calorosa e dinâmica, a fim de que tenham um vislumbre real do que é a comunhão cristã e se sintam atraídos por ela (Jo 13.35).



22. Vou à igreja hoje porque chegará o dia em que não terei mais forças para ir e, nesse dia, quero me alegrar com a lembrança de todas as minhas idas, em vez de chorar todas as minhas ausências (Ec 12.1).

Imagem relacionada

Seguem agora algumas frases enviadas pela Internet:
Vou à igreja hoje porque hoje sou livre para ir — Conceição Ap. Mattos Martins
Vou a Igreja hoje para adorar e agradecer a Deus por todas as bênçãos recebidas na semana e por suprir as minhas necessidades — Lourdes
Vou à igreja hoje porque quero orar pelos outros e só estando em comunhão na igreja saberemos quais as necessidades ou motivos de gratidão de cada irmão (Tiago 5.16) — Marcelo Russi

 Resultado de imagem para IMAGEM DE CRENTES INDO A IGREJA
Pr. Marcos Granconato

Soli Deo gloria

Fonte: http://igrejaredencao.org.br/index.php?option=com_content&view=article&id=1209:por-que-vou-a-igreja-hoje-parte-1&catid=17:pastoral&Itemid=114#.WTatdmjyvIU