Google+ Followers

quarta-feira, 7 de setembro de 2016

ESCOLHA DE FIÉIS POR UMA NOVA IGREJA

QUALIDADE DA PREGAÇÃO É FATOR DECISIVO NA ESCOLHA DE FIÉIS POR UMA NOVA IGREJA, DIZ PESQUISA

Por Tiago Chagas -

31 de agosto de 2016


Existe um movimento no meio cristão que indica uma tendência de procura, por parte dos fiéis, por um conteúdo de qualidade nos sermões das igrejas evangélicas. Uma pesquisa do instituto Pew Research revelou que esse item é o principal a ser observado por quem está à procura de uma nova igreja.
A decisão por uma igreja envolve outros temas, como por exemplo, a recepção, a localização e o estilo do louvor. No entanto, a qualidade da mensagem é a que mais impacta na decisão.

Segundo informações da emissora Christian Broadcasting Network (CBN), o levantamento do Pew Research constatou que dentre as pessoas que buscam uma nova igreja, 83% apontam a qualidade da pregação como fator decisivo na escolha. Se a pesquisa for observada considerando apenas os pentecostais, esse valor sobe para 94%.
O louvor durante os cultos é fator importante para 74% dos entrevistados, e a recepção dos líderes da congregação a novos membros é vista como relevante por um número ainda maior: 79%.
A localização do templo é apontada por 70% dos fiéis entrevistados como um fator de influência na decisão pela adoção de uma nova congregação.
Valores agregados
Os entrevistados apontaram outros fatores de valor agregado que influenciam na decisão de escolha.
Programas de educação infantil foram descritos por 56% dos entrevistados como relevantes, assim como os novos amigos feitos na congregação (48%), e as oportunidades de participar dos ministérios (42%).
Motivação
O Pew Research perguntou aos entrevistados sobre os motivos que impulsionam os fiéis a trocarem de igreja, e 45% dos entrevistados apontaram a mudança do endereço da antiga igreja como a principal razão de procura por uma nova.
Divergências com a igreja foram o motivo apontado por 15% dos entrevistados, casamento ou divórcio (14%) e outras razões (23%).
A pesquisa revelou que existem dois grupos entre os que procuram uma nova igreja: os que tiveram a ideia de mudar de denominação ao conhecer uma nova igreja (48%) e os que já se identificavam com outra congregação (49%) antes de saírem à busca.
No relatório, os dados destacam que 51% dos cristãos frequentam cultos regularmente, indo uma ou duas vezes por mês ao templo; 27% disseram ir com maior frequência hoje do que quando eram mais jovens; e 22% vão menos do que em outros momentos anteriores.

Fonte: https://noticias.gospelmais.com.br/qualidade-pregacao-fator-decisivo-escolha-nova-igreja-85345.html

Nenhum comentário:

Postar um comentário